.

terça-feira, 4 de maio de 2010

Corte, Flerte e Galanteios.

- Novinha, tô apaixonado! Perco a linha fácil contigo!

(Sentença proferida por um transeunte extremamente sensível na 28 de Setembro hoje à tarde.)

Depois de ouvir a pérola transcrita acima, uma dúvida terrível me perseguiu durante o resto do dia: o que leva uma pessoa, mais precisamente um cidadão do sexo masculino, a "elogiar" uma mulher de maneira tão gentil? Como acreditar que alguém possa gostar de ser chamada de novinha?

Não é possível saber o que se passa na mente do autor de tão nobre galanteio. Há quem diga que, ao se dirigir à uma mulher chamando-a por tal alcunha, o sujeito estaria, na verdade, manifestando seu interesse pela mesma. Eu, particularmente, não consigo dar crédito à essa hipótese. Por mais bem intencionado que o camarada possa estar, será mesmo que ele acredita que agradaria a alguém usando tais termos? Será mesmo que existe alguém no mundo que goste de ser chamada de novinha por desconhecidos no meio da rua?

Sei não... O pior de tudo é que há quem se agrade e muito com tais gentilezas. Aqui no Rio, existem
alguns lugares que são verdadeiros refúgios, onde esses poetas do cotidiano podem se expressar com a certeza de que serão correspondidos, onde as novinhas surgem aos montes, onde tudo é divino, maravilhoso e com um aroma bem caracetrístico pairando no ar. Ir a um desses lugares é como assistir o "Animal Planet Ao Extremo", só que com bichos um pouco menos interessantes. Novinhas e prostitutos em seu habitat natural, convivendo, se alimentando, e o que é mais comum, acasalando: tudo isso ao som de melodias suaves, com letras poéticas e envolventes, "é só catucadão, catucadão... ♪"

Uma pena que, ao contrário dos animais, os indivíduos citados acima andem soltos pela cidade, teoricamente integrados ao convívio social. Talvez se fossem mantidos em seu espaço, ou ao menos criados em cativeiro, frases boçais como a que inicia esse texto não seriam tão repetidas por aí.

Um comentário:

  1. PEQUENA!!!!
    Enfim cheguei até aqui para conhecer o seu tão famoso "pequeno" BLOG. ADOREI! Mas preciso discordar que HÁ SIM!, alguém que goste de ser chamada de NOVINHA...hehe

    Vc escreve MARAVILHOSAMENTE! Sorte dos leitores desse BLOG e penoso para o seu amigo filhodaputa, quer dizer, Rafael Bandeira...(rss)
    Boa sorte! Inté!
    BeijOOO!

    ResponderExcluir